115 Porsani - Contabilidade Em Alphaville | Porsani Contabilidade

Erros a evitar em sua gestão para manter sua empresa longe de problemas.

A falta de ações ou mesmo ações desencontradas, podem acarretar no encerramento de atividades de empresas!

O termo é muito forte, entretanto, vivenciar uma empresa em fase final, nos remete muitas vezes a este procedimento médico.

A Gestão ineficaz ou sua falta como um fator primordial dessa situação. O brasileiro tem o dom do empreendedorismo, segundo o site Agencia Brasil com fonte do Ministério da Economia, são abertas quase 200.000 empresas por mês (exercício de 2020), com certeza, tal fato, não é algo normal em qualquer país do mundo.

É comum ouvirmos relatos de pessoas que tem um sonho de “montar o negócio próprio”, e isso é prazeroso, entretanto, somente esse sonho não basta, é necessário que o mesmo seja estruturado por uma serie de ações para que não se transforme num grande pesadelo.

Gestão é a palavra chave, que em todas as empresas deveria ser algo obrigatório, porém, o que testemunhamos é que parte das empresas enganam-se com uma possível Gestão apenas por ter um “Sistema de Gestão (ERP)” que muitas vezes sequer é possível extrair informações com qualidade para tomada de decisões.

Procrastinar o mal de muitos gestores!

Procrastinas – tem origem do latim: procrastinatus; e quer dizer: adiar algo ou prolongar uma situação para ser resolvida depois.

A procrastinação acaba sendo um dos fatores que acabam por levar empresas ao encerramento de atividades, isso porque, decisões analisadas, discutidas e definidas para serem colocadas em pratica, muitas vezes são deixadas “de lado” por falta de comprometimento ou mesmo de conhecimentos técnicos para a execução; é óbvio que a medida que a situação financeira caótica se consolida, projetos serão deixados de lado e alternativas paliativas poderão ser uma saída.

O diagnóstico empresarial, tende a ser uma solução.

A medida que empresários independente do porte de seus negócios, identifiquem problemas que fogem de seus conhecimentos, é importante que tais situações sejam colocadas em pauta para discussões entre “gestores” ou mesmo familiares, e buscar o diagnóstico técnico pode fazer toda a diferença para que soluções sejam colocadas em pratica.

O retardo na realização da diagnose, ou mesmo, quando o diagnóstico é realizado por profissionais sem a devida qualificação técnica, pode com certeza comprometer a eficácia na solução do problema.

Consultoria Financeira ou Consultoria de Negócios?

Toda empresa de forma espontânea deveria ter em seu quadro profissionais ou empresas de Consultoria e Assessoria Empresarial, isso porque agregaria conhecimentos técnicos a expertise de seus negócios.

A periodicidade, se presencial ou a distância, o conteúdo técnico necessário, entre outros detalhes, são diferenciais que deve ser alinhado de empresa para empresa.

A Consultoria Financeira se faz necessária quando empresários identificam poucos conhecimentos técnicos de sua parte e tambem em sua equipe, com isso, inserir um especialista assessorando a empresa pode ser um diferencial, para esclarecer decisões ou mesmo estruturar relatórios gerenciais.

Entre as atividades de uma Consultoria Financeira podemos citar:

  • Analise de Margens de produtos
  • DRE Gerencial
  • Balanço Patrimonial
  • Formação de preços
  • Definição do Ponto de Equilíbrio
  • Entre outros.

Ocorre que diante do cenário em que a empresa se encontra em muitos casos com sérios problemas financeiros, uma Consultoria Financeira já não fará mais a diferença, ou seja, não trará a solução.

Nesse momento o caminho é buscar profissionais ou empresas com conhecimentos técnicos e experiencias em situações semelhantes, para que problemas já vivenciados, possam servir de parâmetros visando trazer soluções a empresa.

A Gestão de Negócios agrega conhecimentos maiores e pode auxiliar a empresa em questões como:

  • Finanças
  • Vendas
  • Marketing
  • Tomadas de decisões
  • Entre outras.

 O “time” da decisão.<